x

We want to help your company

Contact us

  • Phone

    +55 11 4431-8580

  • Address

    R. Nicolau Barreto, 26
    São Paulo/SP

  • Social networks

Blog

Browse our track of knowledge and create new insights for your business.

monitorar o cliente na loja
3 de julho 2017

Por que você precisa monitorar o cliente da sua loja?

“O marketing consiste na tomada de ações que provoquem a reação desejada de um público-alvo”. Com as palavras de um dos ícones do marketing, o norte-americano Philip Kotler, começo nosso papo de hoje. E pela introdução você já deve ter ideia sobre o assunto, não é mesmo? Sim, falarei hoje de público-alvo e a importância de monitorar o cliente no varejo!

 

Como Kotler mesmo disse, para dar o primeiro passo – seja ele estratégico ou operacional – é fundamental conhecer quem deseja impactar. É a partir desse conhecimento que todo um novelo de iniciativas pode ser desenrolado. A “provocação positiva” que faço é para pensar sobre o seguinte: quem se propõe a ir a algum lugar sem saber onde quer chegar não vai a lugar algum.

 

 

Baixe nosso E-book “As principais tendências de marketing no varejo” e veja como se comunicar com seu público-alvo!

 

 

Reconhece teu público como a ti mesmo 

 

Parece uma frase bíblica, é quase isso. Você pode estar se perguntando, “como saber quem é o público-alvo?”. Poderia dar aqui diversas formas de busca dessa resposta, mas como você é do varejo e sei que quer agilidade para tomar decisões, trago algumas dicas para obter respostas valiosas e monitorar quem é o seu cliente na loja:

 

 

1 – Entenda onde sua loja está localizada

 

É uma região mais comercial ou residencial? Grande parte dos demais comércios são focados em que tipos de serviços? Com essas dúvidas sanadas, você pode entender se seu público mora no bairro ou apenas passa por lá, como para ir ao trabalho. A partir disso, as necessidades e desejo do público são diferentes

 

 

2 – Saiba quais são os horários de maior e menor movimento da sua loja

 

Dado importante pois será mais um validador das necessidades do seu público. O que você vende está diretamente atrelado ao momento que seu cliente pisa na loja, sabia? Por exemplo, uma loja de doces e bolachas próxima a uma estação de metrô pode ter seu pico entre 6h e 8h de segunda a quinta-feira. O mesmo não acontece em uma loja de roupas a 2 quilômetros dela, onde o grande movimento se concentra aos Sábados e Domingos das 11h às 15h30.

 

 

3 – Avalie quais produtos tem maior saída

 

Um dos maiores indicadores possíveis. O que você vende mais? Diversas conclusões são extraídas deste item, desde o poder aquisitivo do seu público, a eventual classe social, sexo e escolaridade. Isso porque há produtos com maior aderência para uns do que para outros. Afinal, há espaço para todos, o que falta é saber quem atacar.

 

 

4 – Introduza um pouco de tecnologia na sua operação 

 

A tecnologia, acredite, pode também ajudar a encontrar essas respostas. Por exemplo, já pensou em fazer um cadastro básico dos clientes? Acredito que sim pois você também é um deles em outra loja e provavelmente já foi perguntado a respeito.

 

Com dados como e-mail, nome, endereço e telefone, se abre uma via de contato por cada um deles, onde campanhas de e-mail marketing, SMS, follow-up direto com seu público podem ser realizados. O maior ganho de valor aqui é ter a chance de entender virtualmente melhor qual pode a próxima compra do seu cliente na sua loja física.

 

 

Em tempos onde muito se planeja e pouco se cria, saber onde está pisando é premissa para ter diferenciais competitivos. Deixe o público dizer o que quer de você. Basta você abrir os olhos e deixar o som da rua chegar para dentro do seu varejo. Topa o desafio?

 

Ready to optmize your business?

back to top